ACESSO DIREITO: DIREITO DO TRABALHO E O NEOLIBERALISMO


A seara política-jurídica é guiada infelizmente, pela conjunção de Ultraliberalismo e Estado Pós Democrático.

Que forja, reforça a desregularização e a flexibilização do Direito do Trabalho.

O Direito Constitucional e os Direitos Fundamentais já não mais importam.

O que interessa é a eficiência econômica e seus resultados são absorvidos por aqueles que nos exploram.

A crise do capitalismo dentro do neoliberalismo age como um normativo, alcançando a todos e servindo como um paliativo.

Tal racionalidade constitui uma subjetivação do trabalhador como um homem-empresa, servindo-se naturalmente ao capital e igualando-se como uma presa.

A reforma trabalhista representou desproteção no campo individual, coletivo e processual.

E num futuro próximo iremos presenciar ainda mais a destruição no que tange o direito material.

Bacharel em Direito, Pós Graduado em Direito Previdenciário, Sócio do Escritório Simon & Rodrigues Advocacia Atuante Nas Áreas do Direito

Previdenciário e Direito do Trabalho.

Formado pela UNIESP - Faculdade de São Paulo.

Pós Graduado pela Faculdade Legale Cursos Jurídicos – SP.

#juridico #marcelobento #inss