COVID-19: O Brasil toma outro 7 x 1: dessa vez do coronavírus


A bola não rola por causa do coronavírus, mas o Brasil tomou outro 7 x 1 Foto: depophotos / Goal

Fonte: Portal Terra

Marcelo Tieppo

Gripezinha já matou 5 mil pessoas no país e tem números piores do que a China

Quando o coronavírus chegou por aqui já tínhamos visto o drama chinês e estávamos acompanhando as cenas tristes de mortos espalhadas pela Itália. Só que ao contrário do mundo inteiro, tivemos um presidente que desdenhou da pandemia, foi pra rua, divulgou nome de remédio que não tinha comprovação de eficácia e rasgou todos os manuais de prevenção. A tragédia anunciada cresce dia a dia. Hoje fazemos parte do primeiro mundo em número de mortes. Ultrapassamos a China. Ok você pode alegar que lá há a suspeita de que estejam escondendo números. Só que é bom lembrar que aqui existem as subnotificações e os números, infelizmente, não espelham a realidade.

Mas podemos nos comparar com a Argentina, que adotou um isolamento pra valer, com o governo ajudando os mais vulneráveis a ficarem em casa. Lá são 197 mortos. Sim eles têm uma população quatro vezes menor, mas têm 25 vezes menos mortes do que no Brasil.

O pequeno Paraguai adotou também uma forte política de isolamento desde o dia 11 de março. Resultado: 9 mortes até agora. No Brasil temos 5017 mortos pelo coronavírus.

Infelizmente, estamos tomando outro 7 x 1, enquanto o técnico do time continua menosprezando o adversário, divulgando notícias falsas e iludindo quem mais precisava de ajuda nessa hora.