MENSAGENS: 9 entre 10 brasileiras relatam sofrer assédio ou importunação por ligação ou mensagem


Fonte: Metrojornal.com.br

Nove entre dez brasileiras são assediadas ou incomodadas em ligações telefônicas ou mensagens, sendo que uma a cada oito recebe conteúdo sexual ou impróprio.

É o que revela o relatório Truecaller Insights, elaborado pelo Truecaller – aplicativo gratuito que permite detectar e bloquear números indesejados – com base em pesquisa realizada em países como Brasil, Colômbia, Índia, Egito e Quênia. O estudo aponta que tais casos são mais comuns em regiões metropolitanas. São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná são os Estados mais afetados.

No Brasil, 56% das chamadas de assédio são de origem desconhecida, enquanto 27% são feitas por indivíduos que cumprem pena dentro de presídios.

Outra revelação foi que, diante de situações de assédio – como insinuações de caráter sexual –, apenas seis em cada dez vítimas tomam providências contra o algoz. Destas, 70% bloqueiam o número de origem da ligação ou mensagem, e apenas 6% procuram ajuda das autoridades.

A reação mais frequente das mulheres é irritação (55%), seguida de raiva (6%), medo (14%), ansiedade (13%) e preocupação (9%). De acordo com a pesquisa, apenas 8,3% das brasileiras identificam abordagens desse tipo como situações de assédio.

#mensagem #whatsaap #indesejada #procon