VIOLÊNCIA: Padrasto é preso suspeito de torturar e quebrar pernas de bebê em Jundiaí


Fonte: O Pêndulo

Caso foi investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher após denúncias da mãe da criança de 10 meses.

Um padrasto suspeito de torturar um bebê de 10 meses foi preso, em Jundiaí (SP), na tarde desta quarta-feira (6). O caso era investigado desde a denúncia da mãe feita em outubro deste ano.

De acordo com a Polícia Civil, a mãe contou que quando reatou o relacionamento a vítima tinha sofrido fraturas em uma das pernas.

Durante a investigação, a Delegacia de Defesa da Mulher apurou que quando ele estava sozinho com o bebê teria torcido as pernas da criança até quebrá-las.

Na ocasião, o Conselho Tutelar foi acionado e o padrasto recolheu os objetos e disse para a mulher que queria se separar.

Os investigadores localizaram o rapaz procurado por um mandado de prisão expedido por tortura. Interrogado, o padrasto negou as acusações e disse que o ferimento foi causado pela própria criança, batendo a perna direita, que estava engessada, na perna esquerda.

O investigado foi encaminhado ao Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista.

#pendulo #jundiai #campolimpopaulista #botujuru #online #policial #criança