HOMOFOBIA: Homem é morto com facada e suspeita é de homofobia


Fonte: Agora SP/UOL

William Cardoso

O cabeleireiro Plínio Henrique de Almeida Lima, 30 anos, foi morto com uma facada anteontem à noite, no cruzamento entre as avenidas Paulista e Brigadeiro Luís Antônio (região central). Segundo testemunhas, o crime foi motivado por homofobia.

A vítima voltava de um passeio ao parque Ibirapuera acompanhada do marido e de um casal de amigos. Eles andavam de mãos dadas. Durante o caminho, pela Brigadeiro, o grupo ouviu ofensas homofóbicas por parte do agressor, acompanhado por outro homem, segundo testemunhas.

Quando todos se aproximavam da Paulista, Lima, incomodado com os xingamentos, perguntou para o agressor o que estava acontecendo. O assassino então colocou uma mochila à frente do corpo e tirou dela a faca, acertando a vítima.

#homofobia #paulista #assassinato